quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Defesa Civil de Petrópolis Instalará 15 Pluviômetros Semiautomáticos


Defesa Civil instalará 15 pluviômetros semiautomáticos nas comunidades
A Secretaria de Proteção e Defesa Civil começará a instalar, nas próximas semanas, mais 15 pluviômetros semiautomáticos nas comunidades com áreas de riscos do município. 
Com a medida, a Defesa Civil poderá monitorar as chuvas com ainda mais precisão, fortalecendo as ações de prevenção de desastres naturais em Petrópolis e agilizando a resposta às fortes chuvas.
Saber quanto está chovendo em um local possibilita que a Defesa Civil tome as medidas necessárias, como providenciar a desocupação daquela região se houver riscos de deslizamentos generalizados. 
Podemos fazer acionando sirenes, fixas ou das nossas viaturas, e com os nossos agentes indo ao local para dar orientações aos moradores. 
Além disso, podemos mobilizar agentes das Unidades de Proteção Comunitária (UPCs), agentes de saúde (ACS), agentes de endemias (ACEs) e os voluntários dos Núcleos Comunitários de Defesa Civil”, disse o secretário de Proteção e Defesa Civil, Rafael Simão.
Os equipamentos ficarão em casas de moradores interessados em ajudar Petrópolis na prevenção de desastres das chuvas. Do lado de fora da casa, no quintal ou no telhado, o pluviômetro, que funciona por bateria, recebe a água das chuvas. 
Dentro de casa, um visor digital informa em tempo real quanto está chovendo e o acumulado nos intervalos de uma hora, quatro, 24, 48, 72 e 96 horas. 
Como acontece com os pluviômetros semiautomáticos já instalados no município, a Defesa Civil entra em contato com esses moradores voluntários, quando está chovendo forte, para saber o índice pluviométrico daquela localidade.
Os pluviômetros semiautomáticos foram cedidos pelo Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), órgão do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.  
Com a instalação desses 15 equipamentos, Petrópolis passará a contar com 79 pluviômetros automáticos e semiautomáticos espalhados pelo município. Desses, 53 foram instalados pela atual gestão, a partir de janeiro de 2013.
“A Defesa Civil vem fortalecendo as parcerias com outros órgãos, como é o caso do Cemaden. 
Essa é uma determinação do prefeito Rubens Bomtempo. Isso possibilitou que Petrópolis recebesse, em menos de dois anos, 53 pluviômetros automáticos e semiautomáticos para um bem maior, que é o de salvar vidas. 
Além disso, temos também a participação de moradores voluntários, que cedem um espaço de seu terreno para ajudar a Defesa Civil”, disse o secretário Rafael Simão.
O pluviômetro semiautomático depende de uma pessoa para ler os dados apontados no viso e repassá-los para a Defesa Civil. 
Já os automáticos transferem essas informações diretamente para a internet.

Por Hoje, é Só! Fiquem a Vontade para Curtir, Compartilhar, Twittar, Fazer Comentários ou Dar Sugestões.





Referências:
http://www.petropolis.rj.gov.br/pmp/index.php/imprensa/noticias/item/2956-defesa-civil-instalar%C3%A1-15-pluvi%C3%B4metros-semiautom%C3%A1ticos-nas-comunidades.html
http://www.petropolis.rj.gov.br/dfc/
https://www.facebook.com/defesacivilpetropolis
http://www.cemaden.gov.br/pluviometros/sobre.php?menu=sobre