domingo, 3 de agosto de 2014

Defesa Civil de Petrópolis Busca Junto ao INMET a Instalação de Estações Meteorológicas


Defesa Civil busca junto a Instituto Nacional a instalação de Estações Meteorológicas em Petrópolis
Uma Parceria Inédita Entre a Prefeitura e o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) Pode Garantir à Cidade a Instalação de Duas Estações Meteorológicas – Uma no Centro e Outra em Itaipava – para Ajudar no Trabalho de Prevenção de Desastres Naturais e na Resposta a Fortes Chuvas.
A Informação foi Confirmada pelo Secretário de Proteção e Defesa Civil, Rafael Simão, que Recebeu na última semana Três Meteorologistas do Instituto.
Segundo ele, as Informações Fornecidas de hora em hora pela estação (sobre Pressão Atmosférica, Temperatura, Velocidade e Direção do Vento, Umidade Relativa do Ar e Índice Pluviométrico) Representarão Mais Uma Ferramenta da Defesa Civil para Análise do Tempo em Petrópolis, Permitindo Previsões cada vez Mais Precisas de Chuvas.
A Reunião Entre o Secretário de Proteção e Defesa Civil, que Representou o Prefeito Rubens Bomtempo, e os Técnicos do Inmet, Órgão ligado ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, foi realizada na última semana na Sede da secretaria.
Após o Encontro, Eles Visitaram Possíveis Pontos para a Instalação das Estações, que Ocupam uma Área de Dez Metros de Largura por Dez Metros de Comprimento.
“Hoje Petrópolis tem uma Única Estação Meteorológica, no Pico do Couto, na Fazenda Inglesa. O problema é que, por ser um ponto de muita altitude, os índices registrados não refletem a situação do restante do município. Precisamos de estações nas áreas urbanas. Petrópolis, além de ter índices pluviométricos bastante altos, é uma cidade turística. Então é fundamental que o município divulgue dados oficiais sobre temperatura, umidade relativa do ar e velocidade dos ventos”, disse o secretário Rafael Simão.
O Inmet mantém 470 estações no país e quer aumentar esse número até 2016. Para os Meteorologistas que Vieram ao Município, Petrópolis já Sai na Frente em Relação aos Demais Municípios do Brasil, uma vez que a Prefeitura, por meio da Defesa Civil, já encaminhou o Ofício com a Solicitação ao Inmet.
O Secretário Rafael Simão Colocou, ainda, a Defesa Civil à Disposição do Instituto, Oferecendo Todo o Apoio Necessário para a Instalação das Estações, Como:
* Carros, Estrutura e Funcionários.
A Coordenadora do 6º Distrito do Inmet, que Engloba os estados do Rio de Janeiro e do Espírito Santo, Marilene de Carvalho, afirmou que a Instalação das Estações em Petrópolis já Recebeu uma pré-aprovação da direção nacional do instituto.
O Próximo Passo Será a Assinatura do Termo de Cooperação pelo Município e Pelo Inmet. Em Seguida, a Instalação, Prevista para 2015. “Petrópolis é, hoje, prioridade. Petrópolis tem tudo para Encabeçar a Lista dos Municípios que vão Receber as Estações”, disse Marilene.
“É um Equipamento de Defesa Ambiental e de Guarda da Vida humana que Ajudará muito a Defesa Civil, porque Indicará em Tempo Real quão Forte está a Chuva, a Intensidade do Vento, entre outras informações”, disse o meteorologista Lúcio de Souza.






Referências:
http://www.petropolis.rj.gov.br/pmp/index.php/imprensa/noticias/item/2489-defesa-civil-busca-junto-a-instituto-nacional-a-instala%C3%A7%C3%A3o-de-esta%C3%A7%C3%B5es-meteorol%C3%B3gicas-em-petr%C3%B3polis.html
https://www.facebook.com/defesacivilpetropolis/photos/a.314196465281362.79910.313455892022086/823919354309068/?type=1
http://www.petropolis.rj.gov.br/dfc/