segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Defesa Civil de Petrópolis Conscientiza 180 Moradores de Seis A.S.P.Q.

            Resultado de imagem para perigos das queimadas

Cerca de 180 moradores de Araras, Cascatinha, Caxambu, Corrêas, Posse e Vale do Cuiabá assistiram, nas últimas semanas, a palestras da Prefeitura, por meio da Secretaria de Proteção e Defesa Civil, sobre incêndios florestais. 
A iniciativa busca conscientizar a população sobre os perigos que as queimadas representam. 
Além de ser um crime ambiental, com pena de prisão e multa para o autor, as queimadas colocam em risco moradores e casas de áreas próximas à mata e ainda prejudicam o meio ambiente.
Outras Seis Comunidades também receberão as palestras da Defesa Civil nas próximas semanas: 
* Secretário;
* Independência;
* Carangola;
* Itamarati;
* Estrada da Saudade; e 
* Pedro do Rio. 
“O Objetivo é levar essas informações para a população sobre as consequências dos incêndios florestais. 
A queimada é uma prática antiga, já ultrapassada, mas que muitos ainda fazem para limpar terrenos ou queimando o lixo no quintal.
Neste período de poucas chuvas, a pessoa perde o controle do fogo com facilidade. Com isso a queimada destrói grandes áreas de florestas”, disse o secretário de Proteção e Defesa Civil, Rafael Simão.
As Palestras têm cerca de uma hora e meia de duração, tiveram início no dia 15 de setembro e continuarão sendo realizadas em outubro. 
“Está sendo uma oportunidade para conversamos com os moradores sobre prevenção e sobre as consequências das queimadas. A recepção está sendo muito boa, e os moradores têm se interessado pelo assunto. 
Nas palestras, ainda distribuímos as cartilhas explicativas que a Prefeitura produziu sobre queimadas”, disse o assessor de prevenção e preparação da Secretaria de Proteção e Defesa Civil, Ricardo Corrêa, que ministra as palestras.

PREVENÇÃO:


O Prefeito Rubens Bomtempo vem investindo na prevenção às queimadas. Petrópolis conta hoje com o Plano de Contingência de Incêndios Florestais, elaborado pela Prefeitura no primeiro semestre deste ano com a colaboração de cerca de 20 órgãos Municipais, Estaduais, Federais, Privados e ONGs. 
O Documento define o que cabe a cada órgão quando há uma queimada, em Relação:
* Socorro, Assistência e Reabilitação. 
O Objetivo da Prefeitura com o Plano de Contingência de Incêndios Florestais – disponível no site da Prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br) – é fortalecer a integração entre diferentes instituições para que Petrópolis esteja cada vez mais preparada para a prevenção e a resposta a esse tipo de ocorrência. 
O Plano de Contingência de Incêndios Florestais está sob a forma de matriz, ou seja, em tabelas, definindo de forma clara e rápida quem faz o quê durante um incêndio florestal.
Outra medida tomada pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Proteção e Defesa Civil, para a prevenção de incêndios florestais foi a elaboração de folhetos com esclarecimentos sobre os perigos que as queimadas representam para a população e para o meio ambiente. 
O Material já vem sendo distribuído em comunidades, em ações da Defesa Civil e da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, e também está disponível no site da Prefeitura.
Por hoje é só! Espero você no Próximo Post. Fiquem a Vontade para Curtir, Compartilhar, Twittar, Fazer Comentários ou Dar Sugestões. Vejo Vocês em Breve. Até........






Referências:
http://www.petropolis.rj.gov.br/pmp/index.php/imprensa/noticias/item/3880-defesa-civil-conscientiza-180-moradores-de-seis-%C3%A1reas-sobre-os-perigos-das-queimadas
http://www.petropolis.rj.gov.br/dfc/
https://pt-br.facebook.com/defesacivilpetropolis